Vistos dos EUA para profissionais com habilidades extraordinárias

Já imaginou adquirir um Green Card nos Estados Unidos justamente por suas capacidades? Isso é possível através do visto para profissionais com habilidades extraordinárias. Quer saber mais? Acompanhe nosso artigo!

Não é segredo que migrar para os Estados Unidos é um sonho de muitos brasileiros. Por sua vez, a tarefa não é simples e envolve muita burocracia.

Ainda assim, é possível adquirir um visto se você se destaca muito em sua área de atuação. Se você já é conhecido internacionalmente na sua área profissional, esta pode ser uma oportunidade!

Como saber se posso receber o visto

Primeiramente, em alguns dos casos, além de ter destaque na área de atuação, o profissional também precisa de vínculo com alguma empresa.

Os vistos do tipo EB-1 são direcionados principalmente para profissionais com nomeações e prêmios em sua área de atuação. São consideradas medalhas olímpicas, Nobel, Oscar e outros.

O principal é que exista reconhecimento internacional e destaque na área de atuação. As principais áreas consideradas no momento da escolha são:

  • Negócios;
  • Educação;
  • Atletismo;
  • Artes;
  • Ciências.

Estes destaques, em especial, podem exigir um visto sem vínculos com instituições. Desta maneira, não é necessário patrocínio ou trabalhos no país para que o profissional garanta o visto.

Neste caso, a pessoa pode exigir o visto do tipo EB-1A. Vale ressaltar que existe a necessidade de comprovação do destaque profissional.

Além desta modalidade, existem outros tipos de visto na categoria de habilidades extraordinárias e vamos abordar cada um deles.

Para os profissionais de educação, por exemplo, é possível também solicitar o visto EB-1B.

O visto EB-1B

A principal diferença entre o visto EB-1A e EB-1B está na dependência do profissional de uma empresa. Na primeira opção, não é necessário o patrocínio.

Além disso, a alternativa EB-1B requer que o solicitante apresente a oportunidade de trabalho nos Estados Unidos. O educador ou pesquisador ainda precisa possuir o mínimo de 3 anos de experiência na área correspondente.

O visto EB-1C

Destinado a profissionais da área de negócios, como gerentes e outros executivos, o visto EB-1C requer que o profissional trabalhe em uma multinacional.

Desta maneira, a própria empresa envia a petição do visto, para que o funcionário possa adquiri-lo. É necessário que exista, no mínimo, um ano de trabalho na multinacional.

Visto EB-1 de habilidades extraordinárias ou visto O?

Nos últimos anos, a busca por vistos para os Estados Unidos aumentou muito. Entre 2016 e 2018, a procura pelo visto de habilidades extraordinárias cresceu cerca de 4%, de acordo com a Agência Brasil.

Para se ter uma ideia, recentemente diversos famosos passaram a buscar esta oportunidade. A advogada Flavia Santos Loyd, em uma entrevista para a revista Quem, mencionou que o número de seus clientes aumentou na pandemia.

Desta forma, nem sempre é fácil solicitar o visto EB-1. A outra opção de visto para profissionais com habilidades extraordinárias é o visto O-1. Apesar desta opção não oferecer o Green Card permanente como o EB-1, é menos exigente quanto aos requisitos.

O visto O-1

Uma vantagem do visto O-1 é que ele pode levar o usuário a solicitar futuramente o visto EB-1. Desta maneira, caso não seja possível adquirir o visto EB-1, o visto O-1 se torna uma boa opção.

Neste visto, o solicitante fica restrito a uma empresa americana. Sendo assim, caso exista a troca de instituição, será preciso refazer o visto. Por outro lado, com esta opção é possível:

  • Levar o cônjuge e filhos: neste caso, os filhos ficam impossibilitados de solicitar empregos;
  • Viajar nacional e internacionalmente enquanto o visto possuir validade;
  • Trabalhar legalmente para a empresa patrocinadora do visto;
  • Fazer de maneira mais simples a reaplicação do visto, caso mude de empresa.

Uma vez que o visto EB-1 possui maiores averiguações de documentos e requisitos, a opção do visto O-1 em um primeiro momento pode ser vantajosa. Dessa maneira, o processo para tirar um visto EB-1 é facilitado no futuro.

A solicitação de vistos para profissionais com habilidades extraordinárias e seus requisitos

O processo de solicitação requer que o indivíduo esteja fortemente qualificado em sua área de atuação. No caso dos vistos EB-1, é necessário preencher no mínimo 3 dos seguintes requisitos:

  1. Recebimento de um prêmio reconhecido nacional ou internacionalmente;
  1. Apresentação de exposições ou shows do setor de arte;
  1. Participação como jurado ou juiz, avaliando trabalhos de outros profissionais;
  1. Salário e renda acima da média;
  1. Materiais publicados em fortes fontes de informação;
  1. Altas vendas na área da arte;
  1. Artigos científicos publicados em revistas renomadas;
  1. Participação em organizações exigentes quanto às capacidades dos membros;
  1. Contribuição relevante no meio educacional ou artístico;
  1. Liderança em alguma organização renomada ou reconhecida.

Vale destacar que a intenção dos Estados Unidos com esta modalidade de visto é agregar pessoas de sucesso ao país. Sendo assim, é importante que no momento da solicitação a pessoa tenha interesse em permanecer se desenvolvendo.

Fica a dica para o momento da solicitação. Deixar o interesse de crescimento explícito é visto com bons olhos pelo país.

O trabalho estadunidense para quem possui o visto para profissionais com habilidades extraordinárias

Apesar da crise econômica mundial, os Estados Unidos apresentam grande crescimento econômico no mercado de trabalho.

É por este motivo que muitos brasileiros desejam mudar para o país. Segundo uma matéria do Uol, de 2015 para 2018 o número de brasileiros imigrantes aumentou em 74% e a tendência é continuar aumentando.

Isso ocorre principalmente porque no país, mesmo diante da pandemia, as taxas de desemprego estão diminuindo e o mercado está novamente se aquecendo.

Com a taxa de desemprego em 6% e a criação de 916 mil postos somente neste ano, o país superou o esperado pelos analistas.

Este é o momento mais propício para tirar um visto que possibilita a permanência, como o EB-1. Além disso, você pode se informar melhor em nosso e-book “Emprego nos EUA”, que explica de maneira mais aprofundada este tema.

Com uma tendência de recuperação muito mais rápida que a do Brasil, diversas personalidades famosas foram em busca do visto. Com um currículo de destaque, portanto, é possível migrar e evitar perdas pela crise por meio destes vistos.

O país está até mesmo aceitando a entrada de estudantes, mesmo no período de pandemia, pela necessidade do mercado.

Se você se destaca na área de atuação, vale a pena considerar a solicitação do visto para profissionais com habilidades extraordinárias. As oportunidades só crescem e muitos brasileiros já aproveitaram este cenário.