Sponsor: o que é e como conseguir nos EUA?

A quantidade de pessoas que se mudam para os Estados Unidos nos últimos anos só cresce ano após ano, e hoje o berço do capitalismo na América tem a maior comunidade brasileira que reside fora do Brasil. Mas, para poder trabalhar legalmente na terra do Tio Sam é necessário arcar com um certo custo e passar pelo processo burocrático exigido. E para ajudar você no seu processo imigratório você deve contar com a Imigrefacil, temos a equipe mais preparada para auxiliá-lo em todas as etapas do processo de mudança para os EUA. Neste artigo trataremos do termo Sponsor, o termo pode não soar tão estranho para você, mas você sabe realmente do que se trata? Quais são os tipos? Como consegui-lo? Foi pensando nessas e nas principais dúvidas mais comuns acerca do Sponsor que esse artigo foi escrito. Então, siga conosco!

O conceito e a função do Sponsor

Poder trabalhar e ter uma carreira de sucesso nos Estados Unidos é um grande sonho para diversos profissionais. E pensando em transformar o sonho de um profissional que o sponsor (também conhecido como: sponsorshipor) surgiu no mercado. Em miúdos, sponsor, não é nada mais nada menos, do que uma pessoa, ou um grupo de pessoas, que oferece todo um aparato com os principais recursos e suportes para a realização de um projeto profissional, de um programa da empresa, ou de um portfólio, ficando responsável por toda a projeção do mesmo. Funciona como o patrocinador. Na maior parte dos casos, o sponsor é uma pessoa que figura num grande cargo de gerência ou de direção de uma empresa e fica sob a tutela do investimento em uma pessoa bancando todas as etapas de seu projeto profissional nos EUA.

Principais exemplos de empresas que mais buscam profissionais e de profissionais mais requisitados

Algumas empresas já possuem tantos anos de exemplos de sucesso nesse tipo de aposta que tornaram os processos dos sponsors menos burocráticos e mais flexíveis para que cada vez mais elas possam contar com o trabalho dos profissionais patrocinados. Entre as principais empresas que se destacam nisso estão: a Apple, a Microsoft, a Intel e a Google, que todos os anos sempre concedem milhares de vistos para imigrantes. Os principais exemplos de profissionais mais requisitados são os da área de TI e informática, os desenvolvedores de Softwares, os gerentes de operações, além de enfermeiros, engenheiros e dentistas. Os sponsors auxiliam tanto o visto de trabalho, como também o visto de emprego.

E o que você deve fazer para conseguir um sponsor para o território norte-americano?

Se você é daqueles profissionais que possuem um conhecimento especializado no setor em que você atua e está entre os mais procurados pelos norte-americanos, você pode acabar recebendo convites de empresas dos EUA por meio de uma boa ponte entre a empresa que você trabalha até então, e as americanas que você melhor se encaixaria. Outra maneira de se encontrar um sponsor é por meio da procura de um emprego no Brasil que facilite o envio de solicitações de transferências, como no caso de várias multinacionais.

Após essa etapa, chegou a hora de enviar todos os documentos que o seu sponsor exigir para que você possa imigrar, contando com o visto, é claro. Agora vamos ver quais são os tipos de visto existentes para os EUA e as particularidades de cada um deles para facilitar todo o seu trâmite de ida aos EUA:

Visto H-1B

O visto de trabalho H-1B é um dos mais conhecidos. Via de regra, ele começa a ser concedido no momento em que o imigrante consegue se candidatar a uma determinada vaga nos EUA. Para poder se candidatar é indispensável que você tenha conhecimento especializado na sua área de atuação. Vale lembrar que os profissionais brasileiros mais procurados estão nas áreas de engenharia, medicina e computação, além de pesquisadores. Por meio do visto H-1B a pessoa poderá ficar no país pelo período de até seis anos, que eventualmente poderá ser estendido por meio da abertura de um pedido de concessão do Green Card.

Visto EB-2

O visto permanente EB-2 é concedido para os profissionais das áreas de artes, educação, ciências ou negócios. Apesar da vasta gama de opções profissionais que esse tipo de visto atende, muitos acabam não se enquadrando em outros requisitos, já que costumam ser mais complexos. E apesar de ser mais denso, mais demorado e custoso para consegui-lo, O EB-2, independentemente da área profissional, pode lhe dar direito ao Green Card.

Visto EB-3

Por último, temos o visto EB-3, que requer o preenchimento de uma vaga de emprego durante o período integral. você precisa de uma oferta de trabalho em período integral. O visto é classificado em três tipos:

– Skilled Workers (trabalhadores com especialidade e com no mínimo dois anos de treinamento);

– Professionals com diploma de bacharelado;

– Other Workers (não exige uma qualificação específica, mas não incluí trabalhos temporários e nem sazonais).

A grande vantagem do visto EB-3 para brasileiros é que eles exigem uma menor complexidade e possuem a vantagem da rapidez em que ele é concedido para os brasileiros nos EUA. Para se ter uma ideia, um profissional pode conseguir esse tipo de visto em 18 meses dependendo do caso.

E aí, gostou do texto? Agora que você pode compreender melhor sobre o sponsor, chegou a hora de dar entrada no seu sonho rumo aos EUA. Não fique aí esperando a sua oportunidade passar!

Se você quer receber mais informações sobre esse assunto e o que há de melhor em matéria de imigração para os EUA siga as nossas redes sociais e acompanhe todo material do nosso portal.