Formulário I-94: entenda o que é e para que serve

Se você deseja passar um período nos EUA, seja para turismo, estudo ou para negócios, você deve saber que o processo para entrar na terra do tio Sam pode ser bem burocrático, principalmente porque as autoridades de imigração norte-americanas são as que recebem o maior volume de tipos de visto de diferentes nacionalidades.

E, entre os principais procedimentos que envolvem os vistos e residências, está o Formulário I-94, se você quer saber melhor para que ele serve e como usá-lo, separamos esse artigo para você, com um apanhado geral sobre isso e suas nuances. Siga conosco!

Afinal, o que é o formulário I-94?

O I-94 consiste basicamente no registro das chegadas e saídas dos viajantes nos EUA, que anteriormente era preenchido de outra maneira. A sua emissão é feita por um escritório de operações relacionados a proteção de fronteiras alfandegárias, braço da CBP (Customs and Border Protection).

Sua emissão é feita eletronicamente, via de regra, mas pode ser feita também em formato físico para os que ingressam no país via terrestre. Quando feito via formato eletrônico, ele é acompanhado por um carimbo estampado no próprio passaporte. Enquanto que quando é emitido sob a forma de um papel, o agente do CBP costuma anexá-lo juntamente com a data de partida no próprio passaporte.

O formulário I-94 é a garantia para que aquele viajante possa permanecer nos EUA durante um determinado período e é uma prova legal de que o ingresso no país foi feito de maneira legal.

Quem necessita do formulário I-94?

A grosso modo, estrangeiros não imigrantes que ingressam nos EUA por terra deverão preencher o Formulário I-94. e os passaportes dos visitantes não imigrantes deverão receber o selo I-94, independentemente se entram pelo mar ou pelo ar. Vale lembrar existem quatro hipóteses em que não será necessário o preenchimento do formulário e nem do carimbo I-94, são elas:

– Aqueles que entram no país sob o Programa de Isenção de Vistos

– Viajantes que entram no território norte-americano sob o Compacto da Associação Livre

– Viajantes que ingressam de modo temporário como membros de tripulação com o formulário I-95

– Viajantes que entram acompanhados de Cartões BBC

Outro detalhe é destinado aos viajantes que chegam no país via revalidação automática de visto, onde é necessária a apresentação do antigo Formulário I-95, no lugar de obter um novo.

Por que você deve verificar cuidadosamente o seu I-94?

A emissão do I-94 quando é feita com irregularidades pode trazer muitas dores de cabeça. Os erros mais comuns são: classificação incorreta do visto, nomes errôneos, datas de vencimento indevidas do formulário.

O preenchimento feito com informações incorretas pode implicar na expiração de sua regularização, sem que o viajante tenha se dado conta do ocorrido. Além disso, o individuo pode ficar fora de status, e em razão disso, ficar ilegal por determinado tempo.

Por isso que quem busca passar uma temporada maior nos EUA, deve ter muita atenção na hora de checar todos os dados a ser preenchidos para evitar surpresas indesejáveis. Para se ter uma ideia, nos casos mais extremos de irregularidades nos dados, o formulário pode ficar expirado por até 180 dias, e ainda, a pessoa pode se complicar para retornar aos EUA.

Preenchi alguns dados errados no I-94, consigo corrigi-los?

Sim, é perfeitamente possível que você possa solicitar alterações no seu I-94 a CBP, desde que seu erro seja facilmente provado. Para isso, quando você detectar um erro, o ideal é enviar um e-mail para o CBP da cidade daquele aeroporto no qual você realizou a sua imigração, e caso não consiga fazer isso via e-mail, você pode tentar corrigir o seu I-94 em algum posto oficial do PFC.

Para fazer o procedimento via e-mail, descreva o seu problema no próprio e-mail e insira uma cópia da folha biográfica do seu Passaporte juntamente com a cópia do seu visto. Além disso, é importante incluir a página onde o selo ou carimbo de admissão foi colocado em seu passaporte. E, por último, anexe outros documentos importantes como: o Cartão de embarque, e é claro, o seu número de telefone e endereço nos EUA.

Como consigo acessar o formulário I-94 online?

Você sabia que através do site oficial do I-94, você consegue acessar todas as informações pertinentes às suas chegadas e partidas no território norte americano nos últimos cinco anos? Sim, caso você esteja nos EUA e precise de alguma evidência para colocar no seu requerimento como visitante, basta entrar no site, e você terá acesso às informações que você precisa. Além disso, você também consegue obter o seu número I-94, caso você tenha perdido em algum lugar, tudo pelo próprio site.

Recebi a seguinte mensagem: I-94 “Não encontrado”, e agora o que faço?

O formulário I-94 tem um número de dígito 11, voltado para todos viajantes. Caso você não saiba qual seja ou não tenha salvado em algum lugar determinado, você ainda consegue obter o mesmo no site do I-94. Mas, caso você não consiga localizar o seu número de nenhuma maneira, mesmo refazendo todos os questionários, resta a última saída, que é a entrada em contato com o Site de Inspeção Adiada e Proteção de Fronteiras mais perto de você nos EUA que eles irão te ajudar.

Consigo estender o Formulário I-94?

Se você busca expandir o seu período de estadia nos EUA, ou mesmo, mudar o seu status de imigração durante o período que permanecer nos EUA, você deverá registrar isso junto à USCIS. Isso pode ser feito de dois modos: primeiramente, por meio do formulário I-129, com uma petição destina ao trabalhador não imigrante, ou então, pelo preenchimento do formulário I-539, com uma solicitação para extensão do status. Já nos casos dos estudantes que buscam estender o período de seu visto, eles devem um visto fazer uma atualização do seu registro SEVIS e adquirir um novo I-20.

E aí, agora ficou mais fácil compreender sobre o formulário I-94, não é mesmo? Se você quer receber mais dicas sobre esse assunto e ter em mãos o melhor material em matéria de imigração em geral, siga as nossas redes sociais e acompanhe nosso portal!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *